Intel desenvolve o primeiro interface fotónico de 50 Gbps

Alyen

Intel acaba de mostrar o que será o futuro das conexões de rede utilizando um chip que utiliza fotones para enviar dados. Quatro lásers convertem a luz em dados a uma taxa de aproximadamente 50 Gbps, o que vêm ser 6,25 GB por segundo.

A tecnologia poderia melhorar os chips propriamente ditos já que essa taxa de dados poderia ser suficiente para muitas das tarefas atuais.

Intel comentou que o chip fotónico é um conceito que não está relacionado diretamente com a produção de hardware, mas promete que a tecnologia avançará até chegar ao grande público. Segundo parece, a tecnologia pode melhorar ainda mais fazendo possível que todos os conteúdos de um computador sejam transmitidos em matéria de 1 segundo. Será o seguinte passo, depois de Light Peak.

[easy-social-share buttons="facebook,twitter,google,pinterest,print,mail,love" counters=1 counter_pos="insidebeforename" style="button" point_type="simple" url="https://www.tecnologiaetudo.com/hardware/processadores/intel/intel-desenvolve-primeiro-interface-fotonico-50-gbps/" text="Intel desenvolve o primeiro interface fotónico de 50 Gbps"]

Artigos relacionados

Temas
Tecnologia é Tudo © 2020 - Todos os direitos reservados.Desenvolvido por Alyen Studio