Nicholas Negroponte exibe imagens da segunda geração do laptop educacional XO

Alyen
Votar

Confesso que até pensei em ignorar esta notícia, mas cheguei à conclusão que seria muito mais divertido meter pau, criticar mesmo. Isso porque Nicholas Negroponte, o idealizador do chamado (ex) “Laptop de US$ 100”, ou simplesmente XO, apresentou a versão 2.0 do portátil educacional. Segundo ele, o equipamento teria tela dupla touchscreen e pode ser usado até mesmo como um e-book.  Mas peraí? Alguém viu a primeira geração do aparelho “bombando” por aí?

A resposta: Não! Com a história entre OLPC e governos se arrastando desde 2005, entre avaliações, atrasos e negociações de preços, a verdade é que esse bendito XO não pegou. Depois de testes, testes e mais testes e de descobrirem que a produção de uma unidade do “Laptop de US$ 100” sairia bem mais cara que os tais US$ 100, o projeto simplesmente acabou esfriando.

A falta de planejamento envolve outros fatores. Por exemplo, primeiramente, ele só iria rodar o Linux, o que seria uma forma de incentivar o uso de softwares de código aberto. Ok. Mas, na semana passada, a OLPC anunciou que o XO também passaria a ter o Windows XP,via sistema de dual boot. Ou seja, demoraram anos para descobrirem a roda: que é muito mais razoável deixar os sistemas educacionais dos países envolvidos escolherem o SO de acordo com a sua realidade, tanto dentro das escolas quanto no mercado de trabalho.

Enfim, no auge do seu mundo de fantasia, Negroponte prevê que o “XO 2.0” chegue às escolas até 2010. Dado o “sucesso” da primeira edição do equipamento, é mais fácil prever que o laptop chegará em (assinale a alternativa correta):

a) 2146
b) Quando o Barcelona de Ibiúna ganhar a Copa Libertadores
c) Quando o sertão virar mar e o mar virar sertão
d) Quando o seu Negroponte me dar um gole do que ele anda tomando
e) Quando o XO passar a rodar também o Mac OS X Leopard

Fonte: Techguru 2.0

Artigos relacionados

Temas
Tecnologia é Tudo © 2019 - Todos os direitos reservados.Desenvolvido por Alyen Studio

Send this to a friend